Evento de coral bleaching previsto para 2015-2016

Pela primeira vez na História, os cientistas estão a conseguir prever um evento de “coral bleaching” (branqueamento de corais), de acordo com notícia publicada pelo globalcoralbleaching.org – parceiro da Universidade de Queensland, Austrália.

O “coral bleaching” é um evento repentino de mortalidade de recifes de coral, que se traduz no branqueamento dos recifes, não por mudança da sua cor, mas porque branco é a cor dos seus esqueletos – a única parte que sobra, quando o animais que os formam (pólipos) morrem.

O primeiro grande evento de “coral bleaching” aconteceu, ironicamente, no Ano Internacional dos Oceanos (1998), quando em Portugal se organizava a Expo’98 – Feira Internacional dedicada precisamente a celebrar o mar. Este evento de “coral bleaching” levou à morte de 16% dos recifes de coral do mundo inteiro. A causa do evento misterioso só foi confirmada alguns anos mais tarde: uma “onda” de aquecimento das águas marinhas – provocada pelo El Niño desse ano – foi onde tudo começou.

O segundo grande evento de “coral bleaching” aconteceu em 2010, também na sequência do El Niño desse ano.

A NOAA (National Oceanic & Atmospheric Administration) dos Estados Unidos está neste momento a prever um novo El Niño este ano (Inverno de 2015-2016), desta vez maior que os anteriores: espera-se a ocorrência do terceiro grande evento de “coral bleaching”, que deverá afetar 38% dos recifes de coral mundiais, matando 12.000km2 deste ecossistema vital para os oceanos, que só ocorre nas zonas tropicais (entre as latitudes 30ºN e 30ºS), mas que é o ecossistema marinho de maior produtividade e biodiversidade do planeta. De facto, os recifes de coral cobrem apenas 0,1% da superfície oceânica, mas suportam 25% das espécies marinhas: deles dependem cerca de 500 milhões de pessoas.

As alterações climáticas fazem hoje parte das notícias diárias e passaram também a integrar, inevitavelmente, o quotidiano da Nemus, que se habituou a considerar esta questão em todos os seus estudos e intervenções. Alguns exemplos podem ser consultados na área referente ao domínio de atuação Sustentabilidade, onde se inserem os projetos relacionados com: alterações climáticas, desenvolvimento sustentável, energias renováveis e recursos naturais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.